Como cuidar do carro parado na garagem durante a quarentena?

Por conta da pandemia do COVID-19, a maioria das pessoas tem permanecido em casa e, consequentemente, deixado o carro parado na garagem. A verdade é que essa quarentena não está fácil para ninguém, porém alguns prejuízos podem acontecer se o veículo ficar desligado muito tempo. É importante tomar alguns cuidados para efetuar uma boa manutenção, afim de manter seu carro e sua bateria automotiva em bom estado durante a quarentena.

Como cuidar do carro parado na garagem durante a quarentena:

  1. Atente-se ao motor: Com o carro parado, as peças tendem a ressecar pela falta de uso. Isso ocorre porque, assim como nosso corpo, o carro depende do seu “organismo” para tudo funcionar perfeitamente. Sendo assim, não apenas ligue o motor, mas tente dar algumas voltas toda semana no quarteirão para cuidar da embreagem, caixa de marchas e direção também.
  2. Atente-se ao combustível: Quando um carro fica “parado” por muito tempo, cerca de seis meses, o combustível no tanque pode causar uma série de problemas. A gasolina muitas vezes acaba obstruindo o filtro e entupindo o injetor, podendo causar acidentes bem graves. No caso de gasolina aditivada ou etanol, este processo é mais lento, mas ainda pode acontecer.
  3. Atente-se aos componentes: Um carro parado pode consumir tanta bateria quanto um ligado, pelo alarme, sensores e demais peças que gastam energia de pouco em pouco. Você pode desconectar a bateria se quiser impedir isso de acontecer, mas lembre-se de tomar muito cuidado. Também, da mesma forma que a bateria vai “desgastando”, os pneus também costumam murchar com o desuso.

Esperamos ter respondido todas as suas dúvidas, porém quaisquer dúvidas é só nos chamar. Se precisar saber também onde comprar uma bateria em Santos, fale conosco na página de contato ou em um dos nossos telefones, disponíveis no rodapé do site. Até a próxima!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *