Quais danos “pegar no tranco” pode causar ao motor?

Infelizmente essa prática pode nos salvar em muitas ocasiões, porém a técnica de dar tranco no carro pode causar danos irreversíveis ao motor do veículo. Normalmente nos encontramos nessa situação por deixar um farol ligado ou a luz interna do carro acessa, porém tome cuidado! Se você notar que, ao dar a partida, o arranque vira até acabar a bateria, mas o motor não pega, seu problema pode ser mais grave do que você pensa.

Quais danos “pegar no tranco” pode causar ao motor?

Quem nunca precisou fazer o carro pegar no tranco, que atire a primeira pedra. Quando a bateria automotiva arria, a solução mais comum é fazer o carro pegar no tranco, porém isso pode causar alguns danos ao motor e à diversas outras partes do veículo também.

O sistema de um automóvel trabalha em sintonia com diversos componentes, sempre de maneira sutil, nunca forçadamente. Quando damos um tranco no motor estamos sobrecarregando-o, afetando seus cilindros e circuitos elétricos, pois o motor absorve o impacto da ligação forçada.

Sendo assim, o mais recomendado a se fazer é entrar em contato com alguém para levar o veículo à uma oficina. Se você desconfia de uma pane elétrica, fale com um profissional de confiança para entender melhor sua situação e evite causar mais prejuízo ao seu automóvel.

Esperamos ter respondido todas as suas dúvidas, porém quaisquer perguntas é só nos chamar. Se precisar também de uma ótima loja de bateria em Santos, fale conosco na página de contato ou em um dos nossos telefones, disponíveis no rodapé do site. Até a próxima!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.